Eles deveriam estar brincando...

Atualizado: 13 de jun. de 2019

Eles deveriam estar brincando em casa ou na escola estudando... mas estão vendendo doces no sinal!




Hoje é o DIA MUNDIAL CONTRA O TRABALHO INFANTIL e eu precisava fazer essa reflexão e esse desabafo.


Há alguns anos atrás quando eu morava em Brasília eu parei em um semáforo e um menino muito pequeno que nem alcançava direito a janela veio me oferecer balas. Eu jamais esquecerei o rosto daquele menino. Meu coração ficou apertado e me deu um baita nó na garganta.



Eu abri o vidro e perguntei:


- Quantos anos você tem?

- Seis.

- Onde está sua mãe?

- Ali - apontou para uma mulher sentada embaixo de uma árvore com uma sacola do lado dela.

- Qual é seu nome?

- Jeferson.

- Você deveria estar brincando e não vendendo balas! - meu pensamento saiu em voz alta. Coisa que eu não gostaria de ter feito. Fiz isso olhando para a mãe curtindo uma sombra enquanto colocava os filhos para trabalhar. E senti uma mistura de compaixão e raiva. Compaixão porque não sabia o que a levava a estar naquela situação. E raiva porque aquela criança não deveria estar ali.




O sinal abriu. Fiquei tão chocada com a cena que nem comprei a bala. Mas nunca deixei de pensar nem de orar por aquele menino.

Quantas crianças ainda hoje vivem nessa situação? Quantas mães USAM os filhos para ganhar dinheiro "fácil" roubando deles a melhor fase das suas vidas? O que as leva a fazer isso?



Eu vi essa cena minha vida toda.

Segundo a minha madrinha, quando era pequena eu chorava ao ver situações assim. E eu ainda choro por dentro.



E agora que sou mãe e me preocupo tanto com o bem estar do meu filho eu fico pensando o que leva uma mãe a agir assim. Será que elas entendem e sofrem com o que estão fazendo? E que futuro terão essas crianças.



O que NÓS podemos fazer por elas? Como eu gostaria de colocar todas no carro e levar pra casa! Cuidar e dar uma infância digna e feliz. E os que podem fazer algo não fazem... O ser humano é mesmo intrigante!




#trabalhoinfantil #trabalhoescravo #exporaçãoinfantil #lugardecriançaénaescola #infância #insustiçasocial #pobreza #vida #viverpravaler

Categorias: